Fintech PagueVeloz cresce 700% em contas ativas

143

Mesmo na pandemia, contratações, aumento da carteira de clientes, novas funcionalidades e projetos se mantiveram na rotina dos negócio

Há oito anos, quando o termo fintech ainda era pouco reconhecido no país, a PagueVeloz chegava ao mercado. O negócio, que surgiu dentro de outra empresa, como uma solução para suprir a necessidade de clientes, em pouco tempo tomou vida própria. Atualmente a empresa, que neste mês de agosto, celebra mais um ano de fundação, oferece uma conta digital completa para pequenos e médios negócios, que engloba não apenas a emissão/gestão de boletos, mas também a possibilidade de vendas via cartão de crédito e débito, transferências e pagamentos, simulação de vendas, pagamentos por link e até mesmo solicitação de crédito.

E os números de crescimento seguem, mesmo diante do cenário da pandemia: em oito meses o volume de contas ativas na plataforma aumentou cerca de 700% – já são mais de 170 mil. Mesmo na pandemia, não houve demissões. As contratações também seguem na empresa, que tem sede em Blumenau (SC) e filial em São Paulo (SP). Em dezembro de 2019 eram 47 colaboradores e hoje já são 118. Estão previstas mais de 100 contratações até o fim do ano, para as áreas de desenvolvimento, comercial e administrativo. Os profissionais podem se candidatar através do site da empresa.

Novas soluções e parcerias

Entre as novidades da PagueVeloz em 2020, está a homologação para adesão ao Pix, sistema de pagamento instantâneo do Banco Central, que entra em vigor em novembro. “Com a pandemia também aceleramos projetos para apoiar os pequenos negócios na gestão de suas finanças. Desenvolvemos materiais informativos para apoiá-los no uso das funcionalidades da nossa conta digital e na sua organização financeira. Entre os segmentos que atuamos está o automotivo, por exemplo. Oficinas mecânicas, despachantes e autoescolas utilizam a PagueVeloz para a gestão financeira dos negócios e nós liberamos a opção de pagamento por link, o LinkVeloz, para que pudessem seguir com as cobranças sem necessidade da presença do cliente no estabelecimento. Este diferencial foi muito importante para diversos negócios, preservando caixa no período de isolamento social”, destaca o CEO da fintech, Paulo Gomes.

Outra novidade da empresa é a parceria com a rede Banco24Horas. “A previsão é de que até o fim de agosto nossos clientes possam realizar saques dos saldos de suas contas digitais nestes caixas eletrônicos pelo app da PagueVeloz, ou seja, sem a necessidade de cartão. São mais de 23 mil unidades espalhadas pelo país, o que vai convergir na rotina do universo digital com as necessidades pontuais de se usar o dinheiro físico”, avalia o executivo. A transação poderá ser feita através de QRCode disponibilizado na conta de cada cliente. A busca por localização do caixa eletrônico mais próximo é outro serviço que será disponibilizado dentro da plataforma.