domingo, 05 de julho de 2020 - 10:38
Início Canais Ecommerce Compras on-line de produtos de TI ganharam força na AL

Compras on-line de produtos de TI ganharam força na AL

Estudo do IDC revela mudanças nos hábitos de consumo das pessoas em cinco países da região

A quarentena mudou os hábitos de consumo das pessoas em seis países da América Latina, principalmente no que se refere à tecnologia.
A constatação foi feita a partir de uma pesquisa do IDC, realizada em maio, com 3 mil pessoas da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru.
A mudança é acompanhada de preocupações, ressalta Reinado Sakis, gerente de pesquisa e consultoria em consumer devices da IDC Brasil.
“Com o usuário fazendo mais movimentações financeiras pelo celular e pelo computador, surgiu a necessidade de maior proteção a esses dispositivos”, exemplifica.
Entretanto, os riscos inerentes às transações digitais não foram suficientes para frear o impulso pelas compras.
A pesquisa detectou crescimento das compras on-line, mesmo por parte dos consumidores que resistiam ao comércio eletrônico.
No México, por exemplo, o volume movimentado pela modalidade saltou de 767 para 877 bilhões de pesos mexicanos. E o movimento deve continuar.
Segundo o IDC, 52% dos entrevistados brasileiros afirmaram que pretendem fazer mais compras on-line.
Muitos consumidores, inclusive, revelaram que não pretendem esperar a retomada das atividades normais para comprar produtos de tecnologia.
Das pessoas consultadas nos seis países, 23% manifestaram a intenção de comprar on-line – e agora – um smartphone.
A impressora é o item preferido por 19% dos entrevistados, assim como uma smart TV. Já 18% disseram que querem um notebook e 16% escolheram um jogo digital.
Na sequência de intenções de compra aparecem o tablet (14%), o monitor (12%), o videogame (12%), o assistente digital (11%), o PC (10%) e o smart watch (10%).
A quarentena na América Latina também deu relevância ao PC como ferramenta para assistir a filmes, séries e outros conteúdos de entretenimento.
Um estudo do IDC com a Netquest mostrou que, entre janeiro e abril, no Brasil, houve um aumento de 25% entre os usuários da plataforma Netflix via computador, e de apenas 5% via dispositivos móveis.
Na Colômbia e no Peru, o crescimento de usuários de PC para acessar o serviço foi ainda maior – de quase 50% -, e entre 15 e 20% via mobile.
“Além do aumento no número de usuários, as pessoas também permaneceram mais tempo nesses serviços”, conta Sakis,
Já entre os aplicativos, a preferência dos consumidores latino-americanos durante a pandemia foi por entretenimento (67%), pagamentos (55%), educação (49%), colaboração (38%) e compras (22%).

- Publicidade -

Últimas Notícias

Atento cria portal para suporte remoto a colaboradores em home office

Integrando ferramentas de RH e de TI, "Atento em Casa" já teve mais de 33 mil acessos em três meses Para aumentar as possibilidades de...

BRQ Digital Solutions faz parceria com o SAS para ampliar oferta de Analytics

Nova parceira oferta um conjunto de software estatístico para gerenciamento de dados, análise avançada, análise multivariada, inteligência comercial, investigação criminal e análise preditiva Para expandir...

BB anuncia financiamento de R$ 103 bilhões para safra 2020/2021

Valor é 11% superior ao volume aplicado na safra anterior. Do total, R$ 10,3 bilhões irão para o crédito agroindustrial e R$ 92,7 bilhões...

HMD Global anuncia novo Centro de Excelência na Finlândia

Iniciativa foca em P&D e busca dobrar o fornecimento de experiências móveis seguras e confiáveis para os consumidores A HMD Global anuncia hoje a aquisição...

Sebrae enumera dicas para facilitar acesso ao crédito

  Atualmente, há 177 linhas de financiamento disponíveis para ajudar pequenos negócios na crise Um levantamento do Sebrae revela que subiu para 177 o número de...

Sicoob grande ABC disponibiliza nova linha de crédito a cooperados

Cooperados podem tomar empréstimo com condições diferenciadas, com 90 dias para início de pagamento e 24 meses para pagar Como forma de cooperar neste momento...

Gartner prevê queda dos gastos com segurança da informação em 2020

Equipamentos como firewall e sistemas de detecção e prevenção de intrusões serão mais afetados pelos cortes Os investimentos em tecnologia e serviços de segurança da...

Financiamento de comércio é alvo de parceria entre Citi e IFC

O objetivo é ajudar empresas de mercados emergentes em dificuldades por causa do Covid-19 O Citi e a International Finance Corporation (IFC), do Grupo Banco...
- Publicidade -